Desde muito tempo os assuntos sobre a Lua vem influenciando a humanidade. Através de suas fases pudemos ter noção de meses e semanas, e em algumas civilizações até anos como o Calendário Lunar Chinês. É lugar comum também, que nosso satélite natural influencia as marés, e sua observação sempre foi acompanhada minuciosamente por pescadores e navegadores desde o começo dos tempos. Mas, até onde vai essa influência lunar? Será que todas essas afirmações são reais?

Diversos cientistas ao redor do mundo já estudaram a influência da lua sobre a sociedade em geral, de forma a afirmar ou negar certos mitos que cercam o satélite. Como citado a cima, a lua influencia as marés, certo? Parcialmente! Não é só a lua que tem esse poder de influência. As marés ficam sim mais fortes nas luas cheia e nova, mas é pelo fato do Sol e da Lua estarem alinhados de forma que a força gravitacional de ambos se some para criar esse fenômeno mensal. 
Outro mito que envolve a brilhante é o aumento de suicídios, da insanidade e do nascimento de bebês na época de lua cheia. Essa lua dá o que falar até hoje, mantendo lendas como a do lobisomem atadas as suas raízes. Mas a mesma não é tão "má" assim. É comprovado que o número de suicídios, internações em hospícios e nascimentos não sofre uma alta em períodos de lua cheia. No caso das mortes, muitas acontecem na lua nova, onde a luminosidade é baixa. 
E essa história de que já que a Lua (e o Sol) influenciam nas marés, por quê nós que temos a maior parte do corpo em água, também não sofremos essas influências? O "pode lunar", como dito acima, é gravitacional e não magnético. De forma que, se um mosquito posar em seu cabelo, o mesmo vai exercer mais força do que a lua em qualquer fase que seja.

De uma forma ou de outra, a lua influência sim em nossas vidas.
Mas não de forma tão dramática e mística como muita das vezes pensamos. 

Clique em "Continuar Lendo" para ler curiosidades sobre a lua :)

Continuar Lendo »

Posted in


Já parou para pensar que em pleno século XXI ainda existam pessoas que vivam fora dos "padrões" sociais?  O grupo nômade Rainbow Gathering não permite fotografias dentro dos locais onde vivem, porém, o fotógrafo Benoit Paillé conseguiu ser uma exceção a regra fotografando o grupo "alternativo", pelo fato de ter participado há sete anos do mesmo. As fotografias são lindíssimas expirando coisas muito boas e positivas. O Rainbow Gathering segue princípios como os dos hippies; onde harmonia, amor, liberdade, cuidado com a natureza e paz são essenciais. Os membros do grupo habitam em comunidades temporárias e realizam eventos para se encontrarem nos quais já aconteceram na Espanha, México e Canadá. Se você reparar, irá perceber coisas que para nós, do meio urbano, seriam realmente intrigantes; como:

- Não há obesos, o corpo deles é moldado sem precisar de dietas ou academia;
- Eles vivem a vida em lugares paradisíacos;
- São estilosos, mesmo sem consultar revistas de moda;
- As crianças parecem mais saudáveis do que muitas que vivem nas cidades (mesmo sem pediatras!);
- Não trabalham para acumular dinheiro, trabalham para suprir suas necessidades diárias.

E você? Ainda acha que o único e melhor modo para se viver a vida é dentro das selvas de pedra?
Confira abaixo e na continuação da postagem as fotografias de Paillé e encante-se com o Rainbow Gathering.

Continuar Lendo »


O Alinhamento Planetário com as Pirâmides de Gizé no Egito, acontecerá no dia 3/12/2012 as 15:00h horário do Egito e 19:00h horário da natureza no Brasil e as 18:00h no horário brasileiro de verão. Nesta data as três pirâmides de Gizé ficarão alinhadas exatamente com o posicionamento em que estarão os planetas Mercúrio, Vênus e Saturno, conforme calculado com softwares especializados como o Stellarium, co-relacionando as coordenadas das Pirâmides e dos Planetas. Este alinhamento acontece a cada 2.737 anos e este ano em especial será incrivelmente intenso e completo. 
Teremos também incluídos neste alinhamento dos planetas com as pirâmides de Gizé, o alinhamento dos Nódulos Lunares e do Cinturão de Órion (Três Marias), representado na imagem ao lado.
Para mais informações clique em:
FONTES&CRÉDITOS
Namastê!


"A Quiromancia (do grego cheiro, "mão", e mancia, " profecia") é um método complexo de adivinhação e de interpretação de sinais baseados nas linhas da palma da mão e no seu formato, tamanho e textura.

Existe a crença que acredita que, através da Quiromancia, ou seja, pela leitura das mãos, é possível descobrir o passado e o futuro, as tendências e as potencialidades do indivíduo, além de prever problemas de vários gêneros, tendo assim o reconhecimento para poder mudar e evitar tais problemas. As linhas da mão mudam, então quem determinará as mudanças ou não é o indivíduo." 

A dado o nome de Quiromante as pessoas praticantes desse método. Um bom Quiromante deve ter em mente a necessidade da objetividade no que faz, e de forma deve traçar o que aquele que se consulta deverá fazer. O mesmo apresentará as possibilidades sem interromper o livre arbítrio do outro. 

Há também a QuirologiaMuitas vezes confundida com a Quiromancia; a Quirologia que vem do grego quiro = mão e logia = estudo, ou seja, estudo ou conhecimento adquirido através das mãos; diferente da Quiromancia que baseia-se na adivinhação através das mãos. O método utilizado para ambos é parecida, porém seguindo vertentes diferentes. Enquanto uma visa o estudo a outra visa a intuição.

Dentro tanto da Quiromancia quanto na Quirologia são observados formatos das mãos, linhas presentes nas mesma, coloração, entre outros fatores para que possam ser feitas as análises
A mão esquerda representaria o nosso potencial e a mão direita o rumo que a nossa vida está a seguir (nos canhotos os papéis das mãos invertem-se). As linhas e forma da mão podem alterar-se ao longo da nossa vida. A relação entre as linhas da nossa mão e o nosso destino não é unilateral. Pelas nossas acções e vontade podemos modificar as nossas linhas.
Para saber mais sobre os métodos usados em ambas as práticas clique em "Continuar Lendo".

Continuar Lendo »


Eu nasci, há "2.000" anos atrás...

As origens do Halloween remontam mais de 2.000 anos. O povo Céltico Europeu celebrava o Dia de Ano Novo na noite entre 31 de Outubro e 1º de Novembro, um dos sabbats de sua roda do ano, chamado Samhain (Souein) (no hemisfério sul, é o dia de festividade de Beltane, pois a roda fica invertida). Segundo a mitologia irlandesa, Samhain era a época em que a "porta" para o Outro Mundo estava suficientemente aberta para fadas e os mortos de forma que se comunicassem conosco, Samhain era essencialmente um festival em honra aos antepassados e ao novo ciclo que se iniciava.

As pessoas ficavam perto de seus casas e muita das vezes andavam na escuridão para não serem "vistos pelos espíritos". Também viravam sua roupa ao avesso e carregavam ferro e sal para manter as fadas longe. O costume de se fantasiar é gaélico, que acreditava nas fantasias como forma de confundir os espíritos nocivos. Na Escócia os jovens se vestiam de branco e usam máscaras ou o rosto enegrecido ou velado. Lanternas e velas escupidas em nabos faziam parte do tradicional festival. Nabos maiores tinham rostos escupidos também para afastar espíritos maus.

Com o não pseudo desaparecimento das religiões pagãs na Europa mesmo após a Inquisição, a Igreja começou a "trazer" festividades do paganismo para o cristianismo; e especulasse que o mesmo tenha acontecido com o Samhain/Halloween. O Papa Bonifácio IV decretou no dia 1º de Novembro o "All Hallows Eve" ou Dia de Todos os Santos. A noite de Samhain continuou a ser observada com fogueiras, danças e fantasias, mas com um novo nome "Halloween" (derivação de All Hallows Eve mais tarde).

Crianças fantasiadas, com máscaras e lanternas de nabo, caminhando de porta em porta oferecendo entretenimento em troca de comida ou dinheiro era comum no século XIX e continuou a ser no século XX. Com a imigração européia para a America do Norte, foram trazidos todas suas tradições, entre elas o Dia das Bruxas como vemos hoje. Atualmente, muito aproveitado pela indústria como um feriado muitíssimo rentável, trocando o pedido por comida e moedas, por doces.

FONTES&CRÉDITOS
Namastê.


Uma boa alternativa para aqueles que ainda acham que ter um vida saudável e livre de toxinas no organismo é difícil e não quer começar com mudanças radicais são os sucos desintoxicantes. Incluir esse recurso em sua rotina diária ajuda na nutrição básica da vida, que evita doenças, desperta órgãos e sistemas e obviamente fazem o trabalho de retirar as toxinas do organismo.
ATENÇÃO: É extremamente desaconselhável que qualquer pessoa troque uma refeição pelo suco desintoxicante.O mesmo é uma ferramenta de suporte do corpo auxiliando nos novos hábitos alimentares, deve ser ingerido pela manhã quando o corpo está mais propenso a liberar seus escretos e pronto para receber energia, vitaminas e minerais. 

Alguns dos benefícios dos sucos desintoxicantes:
- Melhora o sistema cardiovascular, inclusive no controle da hipertensão, quando ajuda na desintoxicação do sangue;
- Aumenta a disposição e a hidratação, suavizando a pele e dando mais brilho aos cabelos;
- Ajuda na melhoria da qualidade do sono, da memória e da lucidez;
- Ativa o sistema imunológico, portanto previne o câncer e aumenta a resistência a gripes e resfriados;
- Aumenta o volume e o trânsito intestinal, prevenindo problemas de constipação;
- Ajuda na tonificação dos pulmões, rins e fígado.


Prepare seu suco com frutas e hortaliças sempre frescas e bem limpas. É recomendado que se beba o suco de imediato após preparado e não guardá-lo na geladeira ou congelador, pois tais sucos após 5 a 10 minutos perdem suas propriedades nutritivas. Também é dispensável o uso do açúcar para melhor proveito e também de água para não haver dissolução de alguns nutrientes, formando assim concentrados de vitalização instantânea. Não há contra indicações em questão ao aparelho utilizado para o preparo dos sucos, podem ser usados liquidificadores ou centrífugas, depende de quem os fizer.

Clique em "Continuar lendo" para acessar a lista de receitas.
Namastê
Fontes&Créditos

Continuar Lendo »


Muitas pessoas ao redor do mundo sabem quais são seus signos, e algumas até garantem que é possível saber o  que pode acontecer só observando a movimentação dos mesmos. Porém, além de ouvirem pessoas falarem de seus signos, é possível também que você ou qualquer outra pessoa já tenha ouvido falar de signo ascendente. Signo Ascendente? O que é isso? Tem a ver com a mudança dos signos?

Não, nada a ver com a mudança louca de signos.
Ascendente ou Signo Ascendente é um dos 12 signos que ocupa no momento do seu nascimento a cúspide da casa astral. Além daquele signo que está determinado a cada período entre dois meses, como Áries entre o dia 21 de Março até 20 de Abril, há também esse signo que tecnicamente ocupa o horizonte oriental no momento em que o ser humano inspira ar pela primeira vez, ou seja, o signo ascendente é aquele que está "passando" no horizonte no momento em que você nasce. 

O ascendente tem um papel muito importante na vida de cada um, pois ele determina como somos percebidos pelos outros, o que apresentamos para o mundo (a primeira vista). Quando a lua e o ascendente estão no mesmo lugar quando a pessoa nasce, é dito que esse indivíduo é de duplo signo. Em resumo de tudo, podemos dizer que nosso signo solar (signo do mês de nascimento) é nossa essência, já  o nosso ascendente é aquilo que mostramos para a sociedade. 

Como saber qual o meu signo ascendente?
Astrólogos ao consultarem esse tipo de informação a alguém traçam as "coordenadas" no mapa astral (todos nós temos um, mas nem todos temos conhecimento disso), onde além de saber qual o ascendente da pessoa, descobre-se também diversas outras informações. No geral traça-se isso através do dia, mês, ano, hora e local do nascimento desta pessoa. Há diversos sites pela internet que fazem esse cálculo, seguem-se alguns abaixo:

Então é isso, curioso para saber seu signo ascedente agora que você já sabe do que se trata? :)

Namastê


oração feita por Cissa Guimarães no "Viver com Fé"

Deus, dê-me força e fé neste dia que se inicia, 
a segurança do teu amor e a certeza de que estás comigo.

Peço-te ajuda e proteção para o meu dia porque preciso de
tua assistência e de tua misericórdia.

Tira de mim o medo que me invade, tira de mim a dúvida que me perturba.
Esclarece o meu espírito abatido, com a luz que iluminou o caminho do 
teu filho, Jesus Cristo, aqui na Terra.

Que eu possa, Senhor, perceber toda a tua grandeza e a tua presença em mim.
Minuto a minuto, hora a hora, dia a dia.

Que sinta a tua voz dentro de mim
E ao meu redor e em minha decisões  eu perceba qual é a tua vontade.

Que sinta o teu maravilhoso poder através da força da oração e, com este poder,
 suavizar os meus problemas, acalmando o meu espírito, aumentando a minha fé.

Não me abandones, oh Senhor! Fica comigo para que eu não me desespere e nem te esqueça.

Levanta o meu espírito quando o encontrares abatido.
Ajuda-me a seguir-te sem vacilar e sem olhar para trás.

Entrego em tuas mãos a minha vida e a vida de toda a minha família.
Livra-nos de todo o mal que possa estar nos dirigindo.

Peço, Senhor, que eu seja merecedor de tua graça. Sei que amas e me escutas amorosamente.
Embora esteja com a alma inquieta, suplico-te dá-me o poder de aceitar,
E, acima de tudo, que se cumpra em mim a tua vontade.

Amém.

Posted in


Os quatro elementos da natureza estão presentes na vela: a água da parafina, a terra do pavio, o ar que permite a combustão e o fogo que acende. Há diversas características em uma vela, além das cores, também podemos procurar significados em seus formatos:

Vela de Pirâmide:
Firmeza, realizações, matérias, canalização.

Vela da Lua:
(Meia Lua) Representa a água. E relacionado aos sonhos e as fases da Lua. Serve para acentuar sua energia intuitiva. E para romances.

Cones Triangulares ou hexagonais:
Quando apresentam ângulos agudos geram uma energia de luta e
combate. Pode-se usar para vencer uma concorrência ou para superar o alguém em uma disputa comercial ou judicial. As velas triangulares simbolizam o equilíbrio dos três planos: Físico, emocional e espiritual.

Velas Cônicas:
São voltadas para cima e geram a sensação de superação dos limites. O desejo de elevação do homem ao universo, sua comunicação com o cosmos. Seu crescimento, orientação e purificação espiritual.

Velas Quadradas:
Simbolizam estabilidade material, usada quando buscamos firmar,
cimentar algo prático e objetivo. Agrega solidez e força. Seus lados

iguais representam os quatro elementos: Terra, Água, Fogo, Ar.

Velas Redondas:
Simbolizam mudança, a busca. E a energia mais pura do astral que só a mente superior alcança. Serve para revigorar uma situação que se encontra adormecida. Uma carga de energia muito grande.

Velas Estrela de Cinco Pontas:
É o símbolo do homem preso na matéria. Usa os atributos ao pentagrama. Representa o carma.

Velas Espiraladas:
Usada para buscar maior objetividade em assunto em que a fantasia está misturada com a realidade. As que apresentam a forma de caracol são usadas para claridade mental e sabedoria interior.

Velas com mel:
Sugerem doçura e harmonia. Indicadas para adoçar desejos de sintonia do casal e para criar bons laços de trabalho.

Velas com símbolos orientais:
A maioria deles são indicados para a prosperidade, sabedoria, saúde, paz e amor. Enquanto se queimam, vão ativando as energias destes símbolos nos setores de nossa vida.

Velas Flutuantes:
Somente se utilizam para propósitos sentimentais e romanticos. Devem ser acesas durante o dia buscando a energia solar. Para acendê-las à noite, basta colocar o recipiente com a água em pleno sol por cerca de duas horas.

Além de seus significados individuais, as velas fazem um ótimo trabalho decorativo em todo e qualquer ambiente. Usar desses itens além de deixar o local perfumado o deixa também com ares de sofisticação e delicadeza. É também uma ótima opção para pessoas que gostam de aromatização porém não são muito fãs de incensos em geral.

Namastê.
FONTES&CRÉDITOS


Relação de Amor e Ódio
Pelo fato de ser algo que foge do comum, a Medicina Alternativa lida com críticas frequentes a respeito das práticas utilizadas nos pacientes. Médicos em geral não recomendam tais métodos embasados no fato de não existirem testes que comprovem a eficiência da MA o que promove certa desconfiança por não saberem se realmente o uso da mesma traz algum resultado benéfico. 

Outro fator para a renegação médica a essa prática é o fato de que as pessoas em momentos frágeis de suas vidas procuram a Medicina Alternativa não analisando as 
consequências que podem lhe causar, e tal prática pode até diminuir o tempo de vida de pacientes que procuram tratamento sem se consultar com um médico regular para saber qual a origem de seus males.

Contraposto a isso há também aqueles que usam de tais práticas há um longo período de tempo e afirmam que conseguiram resultados satisfatórios continuando com o tratamento mesmo após resolverem seus antigos problemas.
Muitos daqueles que usam disso também alegam não ter conseguido resultados na medicina convencional concedendo assim uma chance a medicina alternativa e gostam muito mais do novo tratamento por ser algo natural e energético, trabalhando assim para a resolução do que os incomodava e ao mesmo tempo cuidando de outras vertentes do corpo.

Tipos de Medicina Alternativa
A partir desta postagem irei fazer uma série rápida sobre cada tipo de MA abaixo. Para cada postagem enviada o nome da mesma será linkado aqui. Portanto para ler só será preciso clicar e em seguida esperar pelas divulgações das seguintes. :)

Acupuntura
Aromaterapia
Auricoloterapia
Ayurveda
Cromoterapia
Fitoterapia
Florais de Bach
Homeopatia
Iridologia
Medicina Ortomolecular
Musicoterapia
Quiropraxia
Reflexologia
Reiki

Namastê.
FONTES&CRÉDITOS



"Minha alma reconhece sua alma.
Eu honro a luz, o amor, a beleza, a verdade e a bondade dentro de você por que também está dentro de mim.
Em compartilhar estas coisas não há distância e nenhuma diferença entre nós, nós somos os mesmos, nós somos um."

A palavra:

Namastê vem do sânscrito  नमस्ते, que significa literalmente "Curvo-me perante a ti", saudação usada no Sul da Ásia. Tal palavra tem diversas formas de expor seu significado, uma delas é a desposta acima, também podendo ser reduzido a "A minha luz interior saúda a luz interior que brilha dentro de você". Muito utilizada na Índia e Nepal por hindus, budistas, sikhs, etc. No yoga é usada para se referir ao instrutor, o que demonstra que você está um nível a baixo do mesmo. 

O gesto:


Como em várias partes da Ásia essa saudação também tem sua forma em gesto.

Podemos dizer Namastê gestualmente:

- Unindo a palma das mãos frente ao peito, realizando juntamente uma leve curvatura pra frente. 
- Para demonstrar ainda mais respeito com aquele nos quais estamos saudando, unimos as palmas das mãos que são levadas em frente a testa, flexionando a cabeça para as mãos de olhos fechados e em seguida levando as mãos ainda juntas ao tórax. 
- A demonstração de respeito máximo a feito a divindades onde coloca-se as palmas juntas acima da cabeça.
Não é obrigatório dizer Namastê ao mesmo tempo em que se realiza o gesto.

Considerações:

O Namastê não pertence a uma religião específica, crença ou seita. Mesmo sendo adotada por hindus, budistas, dentre outros, é uma forma de saudação social pertencente ao povo sul asiático e a sua cultura. Seu significado não estereotipa pessoas ou raças, como é visto, é uma saudação em que você reconhece que o seu semelhante é seu igual e que deve ser tratado da mesma forma na qual você gostaria que ser também.  



Esse mês teremos Lua Azul. Mas, o que é isso?!
De acordo com o Wikipédia: "O termo Lua Azul, se refere comumente à segunda Lua Cheia que ocorre num mesmo mês. A freqüência de acontecimento, é de 1 vez a cada 2 anos ou 3 anos. As últimas luas azuis ocorreram em 31 de maio de 2007 e 31 de dezembro de 2009. A próxima lua azul deverá ocorrer em 31 de Agosto de 2012.
O fato se dá devido ao ciclo lunar de 29.5 dias, o que torna perfeitamente possível que em um mesmo mês sua fase se apresente cheia por duas vezes. Fevereiro é o único mês que não pode ter a Lua Azul, mesmo em anos bissextos. Inclusive é possível um ano não ter Lua Cheia no mês de fevereiro, nesses anos, acontece uma Lua Cheia no final de janeiro e a outra no
início de março, ou seja 2 Luas Azuis no mesmo ano, em janeiro e março. Isto ocorre em média a cada 35 anos.
"




Por mais que essa lua não interfira em nossas vidas aqui na Terra, é algo que devemos ter conhecimento. Não só para apreciá-la mas também para entendermos e aproveitarmos a força dupla que essa Lua tem.
Para saber sobre as demais Luas Cheias (e seus nomes) no ano olhe no calendário no lado direito do blog. Faça um desejo e lembre-se "If they say the moon is blue, we must believe that it is true"
("
Se eles dizem que a lua é azul, nós devemos acreditar que isso é real").
Namastê.

FONTES&CRÉDITOS


Você até pode ser aquele tipo de pessoa que desvia de gatos pretos, que não passa debaixo de escadas ou que não pisa nos blocos escuros da calçada. Até mesmo repudia o 13, que se benze em frente a uma mandinga e que tenta ignorar do seu calendário quando o décimo terceiro dia do mês cai numa sexta feira.
Mas a respeito da última superstição você sabe dizer o por que? 
Muitas são as histórias que rondam a Sexta Feira 13, que tem pessoas com relação de amor e ódio com o mundo inteiro. Mas também a maioria dessas pessoas sequer sabe o motivo pelo qual a data tem essa má fama. As mais famosas eu deixo descritas abaixo :)
4fbbba109890ff4d9b3faf546f9e2211_large
1- É tudo culpa de Judas!
Uma das lendas mais conhecidas é a que Judas Iscariotes, traidor de Cristo, ocupava o 13º lugar no grupo de discípulos que seguiam Jesus. Pra aumentar a carga, o moço se suicidou numa Sexta e o dia da crucificação aconteceu também no sexto dia da semana.   

2- Persegue e mata na Sexta:
Quem nunca ouviu falar da Ordem dos Templários? Organização cristã também cheia de lendas e mistérios, que foi condenada ilegal pelo rei Felipe IV da França e adivinhem: O possível início da perseguição e execução dos Templários se deu em uma Sexta Feira 13.

3- Deixando todo mundo Loki!
Por mais que muitas das superstições envolta dessa data sejam originalmente cristãs, há também a versão pagã pro mau agouro. Reza a lenda que houve um banquete e somente 12 deuses foram convidados. Porém Loki, o deus do mal e da discórdia apareceu de penetra e causou briga e confusão o que acabou acarretando na morte de Balder, o favorito dos deuses. Desde então o ato de convidar 13 pessoas para jantar ou ter 13 pessoas a mesa dá azar. Há locais em que se houver tal número a mesa é contratado um 14º convidado profissional. Que 'louco' não?

4- A raiz de todos os males? 
Mais uma lenda pagã diz que a deusa do amor e da beleza, Frida¹ cultuada pelas tribos nórdicas e alemãs foi transformada em bruxa quando tais civilizações se converteram ao cristianismo. Irada com aqueles que antes a adoravam passou a se juntar com mais 11 bruxas e o Diabo toda Sexta para rogar praga sobre os humanos e a partir da Escandinávia a superstição se espalhou pela Europa.

5- Quebra do perfeito:
Na numerologia o número 12 é considerado um número completo (12 horas no relógio, 12 tribos de Israel, 12 Apóstolos, 12 Deuses do Olimpo) e o 13 é a transgressão dessa perfeição e causa de desordem. E como todos sabemos ao multiplicar 6 (sexto dia da semana) por 2 o resultado é: 12.

Agora sim, você pode temer o quanto quiser a Sexta 13 sabendo seus motivos. Obviamente há mais do que 5 razões para que essa data seja tão odiada, mas já é o suficiente para desconfiarmos da mesma.
Namastê!

¹- Nome que deu origem a Frigadag, Friday - Sexta Feira em inglês.


No post anterior eu falei a vocês a respeito sobre o que é o Incenso, 
para o que ele pode servir e também uma reportagem na qual diz que o uso do mesmo 
pode fazer mal a saúde para que vocês que a lessem ficassem atentos. 
Hoje deixarei aqui uma listagem de incensos e suas propriedades (mais um extra no fim
sobre os incensos dos signos), de forma que possam  usar o material de forma mais eficaz.
Pelo fato da lista ser extensa clique em 'Continuar Lendo' para ter acesso a ela completa.

Continuar Lendo »


De acordo com o Wikipédia: "Incenso (do latim: Incendere, "queimar") é composto por materiais aromáticos chamados bióticos (originado por seres vivos no caso plantas)que liberam fumaça perfumada quando queimado. O "incenso" refere-se a substância em si, mais do que o cheiro que ela produz. Ele é usado em cerimônias religiosas, ritual de purificação, aromaterapia, meditação, Para a criação de um estado de espírito, e para mascarar algum mal odor. O uso do incenso se originou no Antigo Egito, onde as resinas de goma e resinas oleosas de árvores aromáticas foram importadas das costas da Arábia e Somália para ser usado em cerimônias religiosas."

Os Incensos podem ser encontrados nas mais diversas religiões, com também infinitas finalidades e formas de serem queimados. No Catolicismo queimar incensos é uma forma de fazer com que o 'louvor a Deus suba como um bom aroma', já no Budismo, Wiccanismo, Hinduísmo, dentre outras religiões, a prática se refere a agradecimento as divindades, a estágios de adoração, a limpeza de energia, de espaço e espiritual e também ao agrado de ancestrais para que algum pedido possa ser atendido. Há também finalidades simples como somente perfumar o lugar onde o incenso é queimado, fator muito utilizado por lojas esotéricas ou que vendem esse tipo de material já que aquele que queima o incenso não tem nada em mente para aquilo de forma específica enquanto o faz.
Assim como a diversidade de religiões e práticas as quais o incenso está inserido há também diferentes formas de como ascende-lo. Segue algumas formas para se ascender um incenso (visto por diversos segmentos) nas quais você pode tentar e escolher qual funciona para você:

1- Isqueiro: acredita em sua forma mental e em seu pensamento positivo para que a limpeza seja feita.
2- Fósforo: acredita nas forças do elemento ar e fogo, e/ou em seus elementais: silfos, fadas, salamandras. Ascender dessa forma também representa respeito ao tradicionalismo com as forças celestiais.
3- Ascenda com a mão esquerda: Acredita-se que a mão esquerda simboliza o contato com o mundo espiritual e a direita com o mundo terreno.
4- Faça uma oração de sua preferência enquanto ascende o incenso e siga proferindo enquanto o manipula.
5- Procure fazer esse processo em um lugar tranquilo onde não possa ser interferido. 
6- Tenha sempre pensamentos de paz e positivos enquanto ascende seu incenso e enquanto deixa-o queimar.
Mesmo com sua boa intensão o incenso utilizado atualmente tem seus maus julgamentos. De acordo com uma matéria do site Folha Online (disponibilizados trechos abaixo) a fumaça produzida pelo material contêm substâncias tóxicas prejudiciais aos que a inalam. 

Incenso faz mal a saúde: (via Folha Online)

"Usado desde a Antigüidade com sentido de purificação e proteção, o incenso acaba de receber sinal vermelho da Pro Teste, a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor. 
Cinco marcas avaliadas mostram que daquela fumacinha, aparentemente inocente, exalam substâncias altamente tóxicas.
Queimando um incenso todos os dias, por exemplo, a pessoa inala a mesma quantidade de benzeno --substância cancerígena-- contida em três cigarros, ou seja, em torno de 180 microgramas por metro cúbico. Há também alta concentração de formol, cerca de 20 microgramas por metro cúbico, que pode irritar as mucosas. Nas cinco marcas avaliadas (Agni Zen, Big Bran, Golden, Hem e Mahalakshimi), todas indianas, não há sequer o nome do distribuidor brasileiro na embalagem. Muito menos a descrição de quais substâncias compõem o produto. A Folha tentou localizar as empresas, por meio dos nomes dos incensos, mas, assim como a Pro Teste, não teve sucesso. A avaliação foi feita a partir da simulação do uso em ambiente parecido com uma sala. Segundo a Pro Teste, foi medida a emissão de poluentes VOCs (compostos orgânicos voláteis) e de substâncias passíveis de causar alergias, como benzeno e formol. As concentrações foram medidas após meia hora do acendimento."

Resta a nós sabermos usar esse material de forma correta, lermos as embalagens e procurarmos saber o máximo que conseguirmos com os vendedores para comprarmos sem que nos prejudiquemos e venhamos a nos arrepender. 
Próxima postagem: "Tipos de Incenso".
Namastê.
FONTES&CRÉDITOS



SIDNEY = Sábado * 7 de Abril * 05:18:42 am (AEST)
TÓQUIO = Sábado * 7 de Abril  * 04:18:42 am (JST)
BEIJING = Sábado * 7 de Abril * 03:18:42 am (CST)
DELI = Sábado * 7 de Abril * 12:48:42 am (IST)
MOSCOU = Sexta * 6 de Abril * 11:18:42 pm (MSK)
BERLIN = Sexta * 6 de Abril * 09:18:42 pm (CEST)
LONDRES = Sexta * 6 de Abril * 08:18:42 pm (BST)
RIO DE JANEIRO = Sexta * 6 de Abril * 04:18:42 pm (BRT)
NOVA IORQUE = Sexta * 6 de Abril * 03:18:42 pm (EDT)
 CIDADE DO MÉXICO = Sexta * 6 de Abril * 02:18:42 pm (CDT)
LOS ANGELES = Sexta * 6 de Abril * 12:18:42 pm (PDT)
HONOLULU = Sexta * 6 de Abril * 09:18:42 am (HAST)


Nem todo mundo sabe o real significado dos ovos de Páscoa/Ostara. Ai você me pergunta: 'Páscoa/Ostara? Que é Ostara?' Ostara é o nome dado a comemoração do equinócio de primavera. Para sabermos a história desses atuais deliciosos artefatos de feriado, temos que voltar no tempo. No tempo em que até mesmo o Cristianismo, não era uma religião. No Mediterrâneo, Leste Europeu e Oriente, diversas comunidades tinham o costume de dar ovos como presente no período do ano em que a primavera começava. A pintura nos ovos era feita com plantas que tinham um corante natural e ali eram desenhados algo que representasse algum elemento, ou alguma benção na qual você deseja para a pessoa que ia presentear.
Nessa época do ano, esses povos, realizavam festas e rituais a deusa Eostre (ou Ostara que dá o nome ao dia), que é a deusa da fertilidade. A representação dessa festividade era feita com a figura de uma mulher, que observava a um coelho saltitante, enquanto segurava um ovo.
Há até uma história folclórica em relação a Ostara:
Era uma vez havia uma deusa, Ostara, que voa pelos céus com seus feixes de luz para trazer Primavera após o frio Inverno. Um ano, ela chegou um pouco tarde. Ela estava se sentindo extremamente culpada e então correu para trazer o amanhecer de primavera, compensando o tempo perdido. Ela veio através de um pássaro que estava de asas congeladas por causa da neve e não conseguia mais alcançar longas distâncias de vôo. Carinhosamente, Ostara embalou a pobre criatura e restaurou sua vida. Ela então fez o pássaro seu animal de estimação, e transformou-o em uma lebre já que ele não mais conseguia voar.Ela também lhe deu o dom de ser capaz de rodar com uma velocidade surpreendente para que ele pudesse facilmente iludir todos os caçadores. Para honrar sua forma anterior como um pássaro, ela também lhe deu a capacidade de pôr ovos (em todas as cores do arco-íris), mas ele só foi autorizado a colocar ovos em um dia de cada ano.Eventualmente Ostara perdeu a paciência com a lebre (alguns dizem que o coelho estava envolvido com outra mulher), e ela atirou-o para os céus onde permaneceria por toda a eternidade como a cosntelação Lepus  (A Lebre), sempre posicionado sob os pés da constelação Orion (o caçador).Porém mais tarde, lembrando os bons tempos tinham, Ostara permitiu que a lebre pudesse voltar à terra uma vez por ano, mas apenas para dar os ovos para as crianças que frequentam as festas de Ostara que foram realizadas a cada primavera.
Então, como símbolos denominados pagãos, entraram para o feriado Cristão?
A entrada desses símbolos para as festividades cristãs aconteceu no ano 325 d.C no Concílio de Niceia. Onde, pela preocupação do clérigo em aumentar seu número de fíéis, decidiu inserir símbolos e conotações de outras tradições nos eventos cristãos. Desde então, pode ser observado a figura de Maria, com o menino Jesus e ovos a seu redor. Então a Páscoa, como é o feriado cristão, passou a comemorar a ressurreição de Cristo, que também simboliza uma nova vida, juntamente com os ovos que tem a mesma conotação.
Até a chegada dos ovos de chocolate, a indústria da culinária teve que passar por diversas mudanças e evoluções. Até então os franceses terem a ideia de criar os ovos que hoje deliciam o nosso feriado.

Fontes&Créditos


Óleos vegetais tem uma infinidade de usos finos que incluem a atividade de transportador para aplicações terapêuticas, como um excelente complemento para as suas criações culinárias, como um agente para fazer sabão, e um meio de ligação para cosméticos. É difícil imaginar onde estaríamos com as nossas criações, se não fosse pela bondade e substância que fornece o óleo puro. Há tantas variedades, no entanto, que é fácil ficar sobrecarregado. Aqui é uma lista dos óleos mais comumente utilizados!  

Óleo de amêndoa - Este é um dos óleos mais úteis, práticos e comumente usado. É ótimo para todos os tipos de pele, age como um 
emoliente e é mais conhecido por sua capacidade de atenuar, suavizar, e recondicionar a pele. É realmente maravilhoso e é igualmente excelente até mesmo além da higiene corporal.


Óleo de semente de damasco - Um maravilhoso óleo semelhante ao de amêndoa doce, mas mais adequado para a pele. É sensível e se prematuramente envelhecido pode ser usado livremente na maioria das receitas de higiene corporal.

Óleo de argan - Este óleo raro e requintado é meticulosamente pressionado dos caroços da fruta da árvore de Argan de Marrocos. Óleo de Argan é rico em tocoferóis naturais (vitamina E) e fenóis, carotenos, esqualeno e ácidos graxos, tornando-se um óleo verdadeiramente luxuoso. O óleo de argan é absorvido rapidamente e é frequentemente usado em tratamentos para unhas, pele e cabelos para oferecer hidratação profunda, fortalecer e evitar/reduzir as estrias.

Óleo de abacate - Este óleo ultra-orgânico é um tesouro maravilhoso que contém quantidades elevadas de vitamina A, B1, B2, D e E. Também contém aminoácidos, esteróis, ácido pantotênico, lecitina e outros ácidos gordos essenciais. Altamente valorizado para aqueles com problemas de pele como eczema, psoríase e outras doenças, ele também faz um óleo de salada para curativos e condimentos. Altamente recomendado para aqueles com pele sensível, e com irritações que exigem óleo rico vitamina.

Óleo de Baobab - Este óleo requintado é prensado a frio das sementes de árvores frutíferas Baobab que crescem na África. A vida normal de uma árvore Baobab é de 500 anos, mas há árvores mais antigas que atingem a idade de 5.000 anos e uma altura de 20 metros. Conhecido pelos moradores em seu habitat natural como "a árvore da vida", a casca de Baobab, folhas e polpa também são utilizados. Suas lindas flores brancas emitem um cheiro de carne podre, o que atrai mariposas polinizadoras, moscas e formigas, porém, o óleo de semente em si possui luz, um aroma de noz, quase floral. Rico em vitaminas A, E e F e esteróis, o óleo de baobá é absorvido rapidamente e é um maravilhoso óleo para usar em tratamentos de pele seca e produtos concebidos para hidratar o cabelo seco.

Óleo de semente de Boragem - Por causa de seus níveis extremamente elevados de ácido gama-linolênico, o óleo de semente de boragem tem muitos usos potenciais. Tem sido amplamente estudado por a sua capacidade para acalmar e reduzir a inflamação, e tem sido usado com sucesso para aliviar a dor, inchaço e rigidez das articulações associado com a artrite reumatóide. Óleo de semente de borragem também tem sido utilizado com resultados positivos para muitas desordens de pele diferentes, tais como psoríase, eczema, acne, rosácea, e da pele prematuramente amadurecida. Além disso, estudos começaram a mostrar que pode ser capaz de ser benéfico para o tratamento e prevenção de doenças.

O óleo de mamona - Um óleo de consistência pastosa e brilhante encontrado na maioria dos cosméticos que atua como um agente de barreira e meio de proteção contra condições adversas e extremas. Muito calmante para a pele, quando incluídos em aplicações cosméticas.

O óleo de coco - Este é um óleo excelente para hidratação geral e serve como uma camada protetora, ajudando a reter a umidade em sua pele. Ele também atua como um óleo leve apropriado para aqueles com pele inflamada e irritada, e aqueles com sensibilidade da pele. O óleo de coco é um agente produtor de espuma usada em sabonetes.

Óleo de semente de uva - Óleo de uva tem uma cor verde com um leve odor agradável, a textura de seda, e taxa de absorção grande. Geralmente empregado como um óleo de base para cremes, loções e muitos como um óleo transportador geral. Óleo de uva é especialmente útil para os tipos de pele que não absorvem óleos muito bem, mas sem deixar uma sensação gordurosa. Maravilhoso para pessoas com sensibilidades da pele por causa de suas naturais propriedades anti-alérgicas.

Óleo de avelã - Óleo de avelã é conhecida por suas qualidades adstringentes e, por isso, ele é melhor usado para quem tem pele oleosa, mas que não querem se abster de usar óleos.

Óleo de semente de cânhamo - Rico em ácidos graxos essenciais e proteínas. Este óleo tem um cheiro agradável de noz, de cor verde-escuro, e absorve bem na pele. É um óleo cosmético maravilhoso e por causa do seu elevado valor nutricional, é um óleo de qualidade superior dietética e que pode ser usado como um ingrediente base para as receitas de cuidados da pele que requerem a cura usando ingredientes regenerativos.

Óleo de Jojoba - Óleo de Jojoba vem dos grãos do arbusto como a planta, chinensis simmondsia. Também usado na limpeza do couro cabeludo, e é igualmente maravilhoso para a pele porque tem propriedades de absorção que são semelhantes ao sebo próprio da nossa pele.

Óleo de nozes Kukui - A castanheira Kukui é a árvore oficial do Havaí e tem sido usada pelos nativos da ilha durante centenas de anos. Eles reconheceram penetrabilidade alta e propriedades suavizantes e, atualmente, é colocado para ser usado para ajudar em queimaduras suaves e pele rachada. Um ingrediente fabuloso para seus cosméticos, óleo de nozes kukui contém níveis muito elevados de ácidos graxos essenciais linoléico e alfa-linolênico. Este óleo é prontamente absorvido pela pele, proporcionando tecidos dos elementos essenciais de que necessita, e é particularmente bom para a pele seca, psoríase, acne e eczema.

Óleo de noz de macadâmia - Este óleo fino vem das nozes das árvores de Macadamia. É um deleite inestimável para a pele e provou-se ser um dos melhores óleos regenerativos disponíveis. Ele é rico em ácidos graxos monoinsaturados, e se assemelha ao sebo (o óleo produzido naturalmente pela própria pele para ajudar a protegê-la). Óleo de macadâmia é um óleo fabuloso protetor com uma alta taxa de absorção e tem sido utilizado com sucesso como um óleo de cura para cicatrizes, queimaduras, feridas menores e outras irritações.

Azeite - O azeite é, de longe, os óleos mais universais utilizados para uma multidão de fins, incluindo cosméticos, para soluções de cuidados do cabelo, e na cozinha. Tem um rico sabor encorpado, com aroma forte e é de um ouro marrom. Tem um grande efeito de condicionamento em receitas de higiene corporal e pode ser usado em quase todas as aplicações devido à sua natureza estável.


Óleo de palmiste - Óleo de palmiste é retirado a partir dos caroços de frutas da palmeira Elaeis guineensis. É mais comumente encontrado em sabonete artesanal para aumentar a sua espuma e dureza. Também pode ser usado numa grande variedade de outros produtos cosméticos e cuidados corporais por suas propriedades hidratantes.

Óleo de semente de ameixa - Um óleo incrivelmente rico e inebriante que graciosamente partilha benefícios em alimentos e aplicações cosméticas em todo o mundo. Óleo de ameixa é uma adição recente à cena do óleo exótico e que tem sido incorporado alguns dos pratos mais finos na França e ele pode ser encontrado em alguns dos cosméticos mais requintados na Itália. Tendo um sabor e aroma semelhante ao óleo de semente de damasco com uma nota superior de frutado, este óleo é a certeza de embelezar bem em qualquer criação que você pode escolher. Ricos em ácidos graxos e deixando praticamente nenhum resíduo sobre a pele, o potencial do óleo de semente de ameixa em aplicações de higiene corporal é interminável.

Óleo de semente de romã - Um óleo de luxo e profundamente penetrante retirado das sementes orgânicas de frutas romã. Este óleo muito valorizado, que é naturalmente rico em flavonóides e ácido punicic é notável para a pele e tem inúmeros benefícios dietéticos também. Profundamente nutritivo para a camada externa da epiderme, óleo de semente de romã fornece poderosos benefícios anti-oxidantes para inúmeras doenças de pele incluindo eczema e psoríase, auxilia nos radicais livres que danificam a idade da pele. Um grande aliado para ter em suas criações cosméticas ou como um produto autônomo para ajudar a nutrir e desenvolver a regeneração celular da pele saudável.

Óleo de semente de Rosa Mosqueta - Um rico, óleo de cor âmbar. Este óleo original é extremamente rico em ácidos graxos essenciais e levou muito respeito entre revistas profissionais e organizações como sendo um grande agente na luta contra a seca, resistido, e pele desidratada. Ele faz maravilhas em cicatrizes e é o óleo predominante usado para o tratamento de rugas e envelhecimento precoce. Pode ser usado em todas as receitas de cuidados da pele fina.

Óleo de cártamo - Um óleo altamente hidratante com uma quantidade excepcionalmente elevada de ácido oléico. Profundamente calmante e uma das primeiras escolhas para as receitas do cuidado da pele que requerem benefícios hidratantes.

Óleo de nozes Shea - Óleo de Shea é um subproduto da produção de manteiga de karité, onde a prensagem das sementes produz um óleo fracionado. Este óleo deixa uma sensação suave e saudável para a pele e oferece benefícios para os problemas de pele, incluindo numerosos problemas como dermatite, eczema, queimaduras, ressecamento cutâneo e outras irritações. Altamente recomendado como agente de proteção contra condições climáticas adversas.

Óleo de soja - Esse óleo é uma excelente base para os seus produtos que estão sendo criadas para a cura da epiderme exterior. O óleo de soja é facilmente absorvido e deixa uma sensação suave para a pele.


O óleo de girassol - Um óleo rico em ácido oléico com quantidades elevadas de vitaminas A, D e E, também tem quantidades benéficas de lecitina e ácidos graxos insaturados. Profundamente condicionado e nutritivo para a pele e é altamente recomendável para as receitas destinadas ao tratamento de pele seca, resistido, envelhecido, e pele danificada.

Óleo de Tamanu - O óleo de Tamanu é extraído por um método prensado a frio a partir de frutos inteiros orgânicos da árvore Tamanu polinésia. Óleo Tamanu foi exaustivamente pesquisado, e as evidências conclusivas sobre a sua capacidade de curar a pele danificada é esmagadora. Seus benefícios são notáveis ​​para o tratamento de cicatrizes, estrias, pequenos cortes e abrasões, erupções cutâneas, feridas e muito mais. Pode ser usado diretamente sobre a pele ou misturado nas formulações.

Óleo de gérmen de trigo - O óleo de germe de trigo refinado é um grande ingrediente de alta em fonte natural de vitamina E, A, D, proteínas, lecitina, e esqualeno. O germe de trigo tem sido aplicado externamente para irritações, incluindo problemas de aspereza da pele, rachaduras, e muitos cosméticos usados com sucesso para ajudar a reverter os efeitos do enrugamento. É o primeiro ingrediente de produtos para cuidados da pele.


Tumblr_lxeiw3sfjt1r2dmhdo1_1280_large
1) Faça uma prática formal. Você só vai chegar ao próximo nível em meditação se reservar um tempo específico (de preferência duas vezes por dia) para ficar quieto.
2) Comece com a respiração. Respiração profunda diminui a freqüência cardíaca, relaxa os músculos, concentra a mente e é uma maneira ideal para começar a prática.

3) Primeiro trecho. Alongamento relaxa os músculos e tendões, permitindo-lhe para sentar-se (ou deitar) mais confortavelmente. Além disso, com o alongamento é iniciado o processo de "ir para dentro" e chama a atenção adicionado ao corpo.

4) Medite com um propósito. Iniciantes devem compreender que a meditação é um processo ativo. A arte de se concentrar a sua atenção para um ponto único é trabalho duro, e você tem que estar propositadamente concentrado!

5) Aviso: A frustração pode se aproximar de você. Isso é muito comum para os novatos que acabam pensando:  "hey, o que estou fazendo aqui?" ou "por que não posso simplesmente acalmar minha mente já?". Quando isso acontece, deve-se concentrar em sua respiração e deixar os sentimentos frustrados irem embora.

6) Experiência. Embora muitos de nós pensam na meditação eficaz como um Yogi sentado de pernas cruzadas embaixo de uma árvore Bonzi, os novatos devem ser mais experimentais e tentar diferentes tipos de meditação. Tente sentado, deitado, de olhos abertos, olhos fechados, etc.

7) Sinta-se parte do seu corpo. Uma prática excelente para meditadores iniciantes é tomar conhecimento do corpo quando um estado meditativo começa a se firmar. Uma vez que os acalma a mente, colocar toda a sua atenção para os pés e, em seguida, mova lentamente o seu caminho até o corpo (incluindo seus órgãos internos). Isso é muito saudável e é um indicador de que você está no caminho certo.

8) Escolha uma sala específica em sua casa para meditar. Certifique-se que não é a mesma sala onde você faz exercício, trabalho, ou o sono. Coloque velas e outros apetrechos espirituais na sala para ajudar você se sentir à vontade.

9) Leia um livro (ou dois) na meditação. De preferência, um guia de instrução e que descreve as vantagens de estados de meditação profunda. Isto fará você sentir motivado.

10) Commit para o longo curso. A meditação é uma prática ao longo da vida, e você se beneficiará mais por não examinar os resultados da sua prática diária. Basta fazer o melhor possível todos os dias, e depois deixá-lo ir!

11) Ouça as fitas e CDs de instrução.

12) Gerar momentos de consciência durante o dia. Encontrar a sua respiração e "estar presente", enquanto na prática não formal é uma ótima maneira de evoluir os seus hábitos de meditação.

13) Verifique se você não será perturbado. Um dos maiores erros que iniciantes fazem não praticar em condições pacíficas. Se você tem isso no fundo da sua mente, que o telefone pode tocar, seus filhos poderiam acordar, ou o seu pote de café pode assobiar, você não será capaz de atingir um estado de relaxamento profundo.

14) Observe pequenos ajustes. Para meditadores iniciantes, os mais pequenos movimentos físicos pode transformar uma prática meditativa de um de frustração para uma renovação. Esses ajustes podem ser pouco perceptíveis para um observador, mas pode significar tudo para a sua prática.

15) Use uma vela. Meditando com os olhos fechados pode ser um desafio para um iniciante. Acender uma vela e usá-lo como seu ponto de foco permite-lhe reforçar a sua atenção com uma sugestão visual. Isto pode ser muito poderosa.

16) Não se estresse. Esta pode ser a dica mais importante para os iniciantes, e a mais difícil de implementar. Não importa o que acontece durante a sua prática de meditação, não se estresse com isso. Isso inclui estar nervoso antes de meditar e/ou depois. A meditação é o que é, e apenas deve-se fazer o melhor possível no momento.

17) Faça isso em conjunto. Meditando com um parceiro ou um ente querido pode ter muitos benefícios maravilhosos, e pode melhorar a sua prática. No entanto, é necessário ter certeza de que você defina as regras acordadas em terra antes de começar!

18) Medite no início da manhã. Sem dúvida, de manhã cedo é um ideal
tempo para a prática: ele é mais silencioso, sua mente não é preenchido com a confusão habitual, e há menos chance de que você será perturbado. Crie o hábito de levantar-se meia hora mais cedo para meditar.

19) Seja grato no final. Uma vez que sua prática é através de, gastar 2-3 minutos sentindo apreciar a oportunidade de prática e capacidade da sua mente para se concentrar é uma ótima opção.

20) Observe quando o seu interesse na meditação começa a minguar. A meditação é
trabalho duro, e você vai inevitavelmente chegar a um ponto em que aparentemente não se encaixa no quadro mais. Isto é, quando você precisa de sua prática mais um pouco, eu recomendo que você volte para o(s) livro(s) ou CD(s) que você ouviu para tornar-se revigorado com a prática. As chances são de que perder a capacidade de se concentrar na meditação é paralela com a sua incapacidade para se concentrar em outras áreas de sua vida!